Rss Feed
  1. A crise dos 20 anos!

    sábado, 24 de janeiro de 2015

    O que eu mais costumo escutar é " 20 anos? Nossa, você ainda é nova, tem muito o que aprender, muito o que viver, tá nova pra esse mundão" ou " Como assim você tem 20 anos e não fez faculdade ainda?" ou o pior dos piores " Quando eu tinha sua idade eu já fazia isso, aquilo e o outro..."

    part of me is love
    Okay, que bom, mas não!

    Sim, não me considero velha, sei que acabei de deixar o " Teen" de lado que encontrei a minha vintena a pouco e que tenho muito o que viver e experimentar, sei também que tenho lugares a conhecer e pessoas a cumprimentar, que tenho amores pra sentir e carinhos pra dar, eu sei de tudo isso e mais. Só que eu também estou velha para estar em dúvida, estou atrasada para tomar decisões na minha vida seja ela acadêmica ou pessoal. E estou confusa e perdida, como a maioria das pessoas quando chegam aos 20 anos. Porque ter essa idade não é tão fácil assim, é a transição entre o jovem que sabe o que é responsabilidade, mas não aplica muito, e o adulto que é imposto a ser, é a época que você percebe que se não guardar dinheiro logo vai continuar morando com seus pais por um bom tempo, algumas pessoas podem até achar isso legal, mas sinceramente, eu não. Ter 20 é não ser jovem, e nem ser velho é quando tudo começa a complicar e as dúvidas são maiores que as respostas, é se encontrar em dias que o choro é a unica solução, é querer se mover e se perder na imensidão de lama, que te gruda e puxa pra baixo. E eu não estou exagerando, é pressão, eu vivo isso todo dia! No trabalho, e em casa. 

    Sim, eu tenho tudo isso de idade e não tenho faculdade, porquê? Bom, porque eu não tenho dinheiro para sustentar uma, e nem meus pais e mesmo que tivessem eles também não iriam me ajudar e não acho errado da parte deles, com o que se refere a minha educação eles já fizeram muito, agora depende de mim, eu sou a adulta, lembra? Pois bem, mas não é só de universidades particulares que o Brasil é feito. É, pois é, tentei entrar para pública ano passado e tentei me encaixar em uma federal também, acontece que não é fácil e eu tentei, não posso dizer que não. Dei meu melhor, mas muitas vezes nosso melhor não é o suficiente. FIES? Desculpa, só que não caio nessa, ainda mais agora que nossa "Presidente" resolveu ferrar com a vida de quem já era ferrado. Além de tudo isso, da frustração e da ira consigo mesmo por não ter conseguido algo que almejava tanto, ainda tem os pais que cobram, tias, sogras, o mundo. Do final do ano passado ao começo desse eu só queria gritar para quem viesse me perguntar alguma coisa sobre a fuvest, eu já estava decepcionada demais, não queria me ouvir contar pra quem quer que fosse entende? Ainda mais para quem não apoia minhas decisões, meu curso e carreira. "O que você acha que vai ganhar na vida cursando Letras?" ou " Tenta uma profissão antes e quando você estiver bem de vida faça o que quiser". Não cara, NÃO! É minha vida, e se eu não puder escolher nem o que fazer do resto dela, aí tô vivendo em vão. Desculpa, eu me estresso fácil, e talvez eu esteja tão cheia de tudo, cheia de ter 20 anos, cheia de tentar e não dar em nada que acabo aqui fazendo um post que nem sei se alguém vai se interessar em ler...


    don't look at me this way

    Mas continuando...

    Olha, que bom que quando você tinha minha idade você era mais pró ativo, que você tinha isso e aquilo, que bom que você conseguiu crescer e ter um futuro digno. Que bom que você fazia tudo, que bom mesmo!!! (sem hipocrisia) Eu realmente fico feliz por quem conseguiu as coisas lutando, mas isso não quer dizer que eu não me esforço, não quer dizer que só porque você conseguiu e eu não que eu tentei menos, que eu nem me esforcei. Quando as pessoas falam assim parece as vezes que elas não enxergam quanto conversas assim só tendem a te deixar pior. No meu caso pelo menos.

    to wonderland...

    Enfim, tenho 20 anos de idade e só sei de uma coisa: Quero viver, tudo o que eu puder, sentir tudo o que for possível sentir e se nada der certo, fugir, pra bem longe (menos Tawani). Tá, mas o lance de viver é real. Eu quero viajar e conhecer o mundo, quero virar poliglota sei 3 línguas já, mais 3 e estarei satisfeita, quero lançar meu livro, quero conhecer a terra da Rainha, quero amar, quero me casar, quero trabalhar em alguma editora, quero ter um cabelão, quero ter minha casa que tenha meu cheiro, quero ter minha biblioteca. Agora basta ir atrás certo?

    Se leram até aqui, obrigada, mesmo. 

    So little time, try to understand that I'm
    Trying to make a move just to stay in the game
    I try to stay awake and remember my name
    But everybody's changing and I don't feel the same
    Reações: 
    |
    | |


  2. 14 comentários:

    1. Natalia M disse...

      Acabei de descobrir que estou vivendo uma crise dos 20, com 16 anos, fala sério, em que merda me enfiei? Acabei de terminar o Ensino Médio, estou entrando pra faculdade, de psicologia. Até aí tudo bem, só que eu acabo de descobrir que eu NÃO quero Psicologia, NÃO quero estudar aqui, e gostaria muito de poder parar, estudar, e passar numa federal. Não faço isso por medo, por pressão de que quando você sai da escola precisa fazer uma faculdade, por medo de perder um ano. Como eu posso ter medo de perder um ano da minha vida, que eu posso investir em algo, com apenas 16 anos? Minha vida mal começou, e seu texto me fez ver isso. Dane-se se ir pra faculdade quando acaba a escola é o que todo mundo faz, não é isso que eu quero agora. Parabéns pelo texto, e pelos post. Beijos
      Desfocando Ideias

    2. nubia balmant disse...

      Olá já passei por essa crise,mas hoje em dia mesmo com 30 anos ainda acho que estou nela kkk é difícil você ainda não sabe muito bem se o que você esta fazendo é o que você quer,mas fique tranquila essa fase vai passar..venha fazer uma visita no meu blog http://crochebycroche.blogspot.com.br/ beijos

    3. Como assim você terminou o Ensino Médio com 16? O.o você deve ser daquelas pessoas que pulam uma série por serem super inteligentes, porque eu só terminei com 18 haha
      Enfim, o que eu aconselho é fazer o que quer fazer, tenta descobrir o que faz teu coração pulsar,o que te encanta, te fortalece, porque eu "perdi" dois anos da minha vida fazendo mecatrônica sendo que eu não gostava nadinha! Hoje sou técnica, mas de nada me acrescenta. Você está no começo de uma linda jornada e merece muito. Faz o enem esse ano e dá o fígado se for possível nessa prova, aí ano que vem será só alegria :D

    4. Oi Núbia, vai sim, eu sei que vai! Mas é que as coisas são meio complicadas kkk
      É difícil sair dessa crise, o pior é que quanto mais adiamos mais parece estarmos perdendo nosso tempo paradas!

    5. Luana Matos disse...

      Eu meio que tive um pouco dessa crise ja, quando terminei o ensino médio, metade das pessoas que eu conhecia foram pra faculdade e a outra metade estava ao menos trabalhando e eu em casa agindo como se eu tivesse 40 anos e minha vida fosse acabar amanhã, demorou pra mim realmente cair na real e ver que, bom, sou humana e jovem.
      O post ficou maravilhoso como sempre Taw, eu realmente torço para você conseguir tudo o que deseja, porque talento não te falta!

    6. Obrigada Lu, de verdade, eu sei bem como é. Você se sente preso e sem saber o que fazer né? É realmente uma droga!!! Mas um dia a vida se acerta e vamos caminhando do jeito que dá! ;D

    7. Camila Petruco disse...

      Parabéns, belíssimo texto!

    8. Nicoli Alves disse...

      Taw, como disse em outro comentário, eu te admiro e muito. Acho que temos muitas coisas em comum e isso que faz gostar tanto de você. Minhas amigas do ensino médio estão na mesma situação e eu vou te dizer o que digo pra elas: se acalme, planeje seus passos e não ligue pra opiniões alheias (principalmente se for negativa)! A maioria das coisas que passamos é uma fase, pode parecer eterna, mas não é. Logo você se "reencontra" ou se "liberta" (espero que me entenda no sentido correto que estou querendo dizer hehe), mantenha a calma e se ocupe com o que te faz bem. Saiba que estou a disposição se precisar, não posso te ajudar em muitas coisas, mas uma conversa de amiga muitas vezes ajuda! Você é incrível. Beijos <3

    9. Todos nós temos nossos momentos de crise, de quem somos, onde estamos, para onde vamos? Por que os outros não param de se meter nas nossas vidas? Se estamos estudando ou não, trabalhando ou não, namorando ou não, só quer dizer respeito à nós, não é pra isso que serve ser adulto? Ser responsável pelo próprio nariz, pelas próprias atitudes e consequências.
      Post incrível, você está se superando a cada dia, Tata.

    10. Obrigada Nic, saiba que a recíproca é verdadeira! Eu sei, uma hora tudo vai se encaixar e eu saberei o que fazer e qual caminho seguir, é difícil não ligar para os outros, principalmente quando eles são próximos e queridos por nós, mas esse é um trabalho que venho fazendo em mim mesma, um desapego da opinião alheia e principalmente as negativas! Obrigada por sempre estar presente <3

    11. Exatamente Lu! As pessoas vivem dizendo "cresça" e muitas das vezes continua a querer o bedelho na sua vida. Nada nunca está bom ou serve. Sempre falta alguma coisa, mas temos que viver por nós mesmos certo ? :D
      Obrigada viu Lu <3

    12. Jovem. Nunca se espelhe nos outros. Faça tudo a seu tempo. Enfrente a suas lutas.

      Eu comecei a facul com 21 e não me arrependo!

    13. Eu sei, eu sei! Estou clareando as ideias já :D

    Postar um comentário